sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Ilusão e Destino

Durante um determinado tempo foi possível ignorar aquilo que me tinha levado a escolher o meu percurso. Iludido pela possibilidade de uma evolução profissional fui colocando de lado alguns dos meus sonhos e ambições mais profundas. Voltar à base depois da ilusão ter terminado é o suficiente para me lembrar das razões mais íntimas e para colocar de novo as prioridades mais verdadeiras a iluminar as minhas decisões de futuro. Durante um tempo fui iludido e colocaram-me numa posição a que no fundo não estava destinado. É desse destino que me vou ocupar no futuro.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial