quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Abundância

Após um ano de atribulação, o fim do ano chegou com a abundância. O início do próximo ano também promete riqueza e fartura. Há concertos em que se acaba no meio da roda a celebrar os falecidos. Há canções a cruzar o espaço sideral hertziano com a pópe sintetizada dos Capitães. Até há canções que prometem festa não sei onde. Tudo volta a acontecer. Contribuir para essa abundância é uma intenção. Depois de um ano a tentar perceber o que era preciso fazer, chegaram as respostas em forma de canções e baterias. Para o ano há singles e construção de novas canções, pois mais nenhum ano pode acabar assim.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial