quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

Frio

O frio aqueceu a alma na manhã em que saí de casa. Caminhava em direcção à paragem do autocarro que me leva junto ao rio. Esta noção talvez seja difícil de explicar, mas quando está frio, como o frio que estava hoje de manhã, a minha alma está mais quente. O contraste é maior entre a temperatura do corpo e a temperatura do ar e isso talvez contribua para a sensação de diferença térmica. Mas para além dessa sensação existe a realidade de quem leva o vento gelado na cara que faz lágrimas nos olhos e sorri perante esse dia que começa. É um tempo favorável para estar vivo, tempo de romance e de fé.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial