sábado, 3 de janeiro de 2015

Relativização do Tempo

A relativização do tempo e as suas consequências. A entrada num ano diferente apesar de ter passado apenas mais uma hora, ou mais um dia. Este ano que passou será sempre um ano muito importante, cheio de acontecimentos marcantes, de notícias felizes e algumas menos desejáveis. Será como soubermos olhar esses episódios e circunstâncias que saberemos torná-los numa etapa para um maior bem. Para uma maior entrega. Aquele dia mais frio, aquela noite em que contámos as doze badaladas, aquela rolha da garrafa de espumante que fez ricochete no tecto falso. O olhar que era de preocupação mas ao mesmo tempo de esperança, na certeza que o tempo irá relativizar e curar as feridas que já sararam.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial