quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Da Seriedade

A seriedade vem da integridade do carácter, da maneira de ser de cada um. Defendo a seriedade como forma de estar na vida. É diferente de levarmo-nos muito a sério. Devemos levar-nos muito a sério o tanto quanto. Claro que sem um pouco de humor próprio tudo fica demasiado rígido e teatral. O equilíbrio entre o real e o não-real, entre o verdadeiro e o fictício. A dificuldade desta equação está precisamente na definição do objectivo. A ingenuidade do início deu lugar a objectividade do meio do percurso. Navegar à vista com a certeza de saber quem nos quer bem e respeita a seriedade que nós colocamos nas coisas.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial