terça-feira, 19 de abril de 2011

Trovões e Claridade

Foi bom sentir o poder de uma trovoada de fim de tarde, exactamente no dia de folga. O ribombar dos trovões e a claridade dos raios sobressaltam a alma e o coração. Como se avisassem que os tempos do bom e ameno tempo não duram para sempre e que esta semana santa de tempo instável é a configuração ideal para colocar novamente os pés bem assentes no chão, terrenos e fixos. O poder da natureza, das nuvens e da electricidade, ao serviço de uma consciência limpa e de uma alma clara. A importância do barulho surdo e da luz viva.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial