segunda-feira, 29 de julho de 2013

A Intensidade

Nova Iorque deixou as suas marcas. Acabei por deixar de ter tempo para escrever mais e de uma forma frequente sobre a cidade que nos acolheu de uma forma intensa e ultra romântica. Museus e salas cheias de quadros célebres, caminhadas intermináveis pelas ruas e avenidas em que o pescoço teimava em inclinar-se para trás para olhar bem a altura dos edifícios, passeios de barco em torno do meio círculo de Manhattan com a Estátua da Liberdade a guardar a entrada por barco na cidade, descansar uns poucos minutos no Sheep Meadow do Central Park sentados no chão, entrar na cidade pela ponte de Brooklyn enquanto chuviscava e subir ao topo dos prédios mais altos para ter uma vista panorâmica da cidade. A intensidade do romance vivido durante sete dias foi grande. Como a grandeza do lugar que nos recebeu.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial