quinta-feira, 5 de junho de 2014

Primavera de Barcelona

Foi a terceira vez que fui a Barcelona para assistir ao festival Primavera Sound. Apesar de ter havido uma incursão pelo meio, em 2012, no festival irmão mais novo do Porto. O Primavera de Barcelona é hoje um festival estabelecido e que mexe com a economia de uma cidade. Passados catorze anos o festival ganhou estatuto e fama, há quem diga que é o melhor festival do mundo, o que será provavelmente um exagero, há quem diga que se tornou uma feira para várias marcas em que as bandas são apenas um chamariz para milhares de festivaleiros urbanos de toda a Europa e cada vez mais de todo o mundo. Mas há algo diferente no Primavera Sound. É um festival que consegue aliar a grandeza de bandas com imenso estatuto, com artistas que estão a emergir, com bandas de culto de outras épocas, num cenário cada vez mais gigantesco e por isso caótico. E com isto facturar bastante e isso não é necessariamente mau. Aliás até pode ser bom, quem é que não gostaria de poder viver fazendo aquilo que gosta mais?

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial