segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Após a Pós-Modernidade

Desde o início deste século que o mundo vive uma nova época. Tentando explicar o que se vive nestes tempos, filósofos e pensadores tentam chegar a uma ideia sobre este mundo após a pós-modernidade. O pós-modernismo nasceu e já está a morrer. Alguns escrevem sobre a altermodernidade e outros sobre a hipermodernidade. Conceitos diferentes que de certa forma se completam. Sim, estamos mais individualistas e excessivos, hipermodernos e lidamos simultaneamente com realidades simultâneas diversas, altermodernos. O passado é integrado nisto tudo, não é abandonado, é recuperado e vivido como se fosse o presente. O futuro é o próprio passado. O tempo é distorcido e os valores antes abandonados voltam em força, numa compressão de ideias e de contra-ideias que tudo relativizam. Apesar dos conceitos estarem próximos de uma verdade final, só possível com a chegada da tecnologia de massas, a ideia final dos tempos que vivemos só será cunhada com o abandono total da palavra modernidade e todas as suas derivações.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial