quinta-feira, 19 de julho de 2012

Uma Festa

Como seria de esperar celebrar a vida significa obviamente celebrar a morte. A súmula da vida. O que restará de nós para além da morte será pouco mais que a luz de uma vela que se apaga quando assinalamos mais um ano de vida. Uma festa de aniversário é um momento para marcar mais um ano de vida e também mais um ano próximo do último da nossa permanência neste mundo. Ao marcar de forma fixa o aniversário de uma personagem de uma canção do início do panque róque em Portugal, deixa-se mais uma bandeira no topo de um cume, uma bóia no alto mar, um foguete que segue até aos céus. A morte e a vida unidas num só propósito, a de um feliz aniversário.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial