quarta-feira, 15 de maio de 2013

À Maravilha

Ontem visionava as imagens do filme "A Essência do Amor" e admirava a beleza e o movimento da câmara. Em contraste, por vezes, com o interior do coração das personagens. O sonho durou alguns longos minutos. Cerca de cento e vinte com o intervalo. A sonolência que as imagens e o som provocaram é o maior elogio que posso fazer a este filme que traduzido à letra seria "À Maravilha". Emoções que se sobrepõem à razão. Sentimentos a jorrar por todo o lado. A procura para uma explicação para toda esta beleza e toda esta experiência. Aquilo que vamos depositando no solo do nosso coração vai matando a nossa inocência, já a busca do maravilhoso é permanente e não cessa.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial