domingo, 29 de maio de 2016

Romantismo

O que impressionou naquele local foi o facto de ao pé da civilização pós-moderna surgir uma quinta cheia de lagos artificiais com carpas laranjas, plantas e árvores verdejantes num misto de romantismo bucólico e casa colonial. Ao longe víamos a cúpula do mega-fórum que é um gigante centro comercial e as tarjas das grande marcas de distribuição de bens de consumo da actualidade e ao mesmo tempo assistíamos ao casamento por debaixo das amoreiras e peixes a saltar nas piscinas de água doce esverdeadas. No meio dos jardins surgiam estátuas, palmeiras e ciprestes para completar aquele ambiente romântico. Se ao romantismo da casa juntarmos a celebração, a festa, a música e o fogo de artifício temos a receita perfeita para mais um casamento memorável.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial